top of page

81,3% dos consumidores pretendem presentear nesse Dia dos Pais

evantamento realizado pela Provu mostra que 32% dos consumidores pretendem gastar mais de R$500 e que a preferência por compras em lojas físicas ou online é equivalente


Fonte: Banco de imagens Canva

O Dia dos Pais se aproxima e a expectativa do comércio é movimentar cerca de R$20 bilhões em presentes na data, de acordo com a CNDL/SPC Brasil. Uma pesquisa quantitativa online realizada com mais de duas mil pessoas entre os dias 20 e 24 de julho pela Provu, fintech especializada em meios de pagamento e crédito pessoal, aponta que 81,3% dos brasileiros querem comprar presentes para celebrar a data. De acordo com o levantamento, 32% estão dispostos a desembolsar um valor acima de R$500.


Gastos com presentes em 2022

Em paralelo, 23,2% pretendem gastar entre R$ 100 e R$ 250, enquanto 22,3% buscarão presentes com valor entre R$ 50 e R$ 100. O levantamento aponta ainda que 16,2% dos consumidores irão gastar valores entre R$ 250 e R$ 500 e 6,2% gastarão até R$ 50.


Quando comparado ao ano anterior, a pesquisa revela que 36,3% pretendem gastar menos neste ano, e 35% desejam gastar mais, seguido por 25,3% que preferem manter o mesmo valor.


Pagamento

A pesquisa ainda mostra que não há muita diferença na preferência por compras em lojas físicas ou online. 50,6% pretendem recorrer ao e-commerce e o restante a espaços físicos. Quando perguntados sobre a forma de pagamento que preferem utilizar, 33,2% disseram cartão de crédito, 24,9% boleto parcelado, 21,7% optaram por dinheiro, 10,5% por Pix, 7,9% por cartão de débito e 1,5% boleto à vista.


E agora, o que comprar?

Entre os tipos de presente mais procurados, a pesquisa mostra preferência por itens de vestuário, indicados por 32% dos respondentes, seguido por eletrônicos, com 23,2% e cosméticos, com 9,5%.


O comércio é um dos setores mais importantes da economia, e também um dos que mais sofreram durante a pandemia da Covid-19 e as medidas de isolamento adotadas. “Apesar do atual cenário econômico, com alta dos juros e da inflação, vejo com otimismo o resultado da pesquisa, que mostra que após dois anos de pandemia, o consumo está sendo retomado e o setor de varejo com a ajuda do crédito segue em trajetória de recuperação”, comenta Marcelo Ramalho, CEO da Provu.


O Dia dos Pais, é considerado a quarta data mais importante do comércio varejista brasileiro. Fica atrás apenas do Natal, Dia das Mães e Dia das Crianças.

 

Comments


bottom of page