top of page

Ticket médio de compras do Dia das Mães está em no máximo R$ 250

Pesquisa revela também que 46% pretendem gastar menos no Dia das Mães do que em anos anteriores


Fonte: Banco de imagens Wix

Comemorado todo segundo domingo de maio, o Dia das Mães de 2023 está chegando. Medindo as expectativas dos brasileiros para a data, a Score Retail, empresa de data retail, em parceria com a empresa de pesquisa e insights de mercado e consumo Hibou, entrevistou 1123 pessoas para o levantamento do ‘Pulso de Dia das Mães’.


Uma das principais preocupações dos brasileiros está com o valor de gasto pretendido para a data, com 46% dos entrevistados afirmando que estão mais apertados financeiramente e pretendem gastar menos no Dia das Mães deste ano do que gastaram em anos anteriores.

Em busca de mais informações, a pesquisa perguntou quanto em valores os entrevistados pretendem gastar a mais de sua rotina financeira, englobando tudo o que será feito para si mesmo e para a família. O valor máximo de R$250 aparece em disparada (72%), mostrando um ticket médio baixo considerando compra de alimentos, bebidas e presentes para a família.


Um quinto dos entrevistados pretende gastar de R$ 250 a R$ 500, enquanto 6% de R$ 500 a R$ 1000 e apenas 2% mais do que mil reais com o ‘combo’ do Dia das Mães.


“Praticamente metade dos entrevistados declararam que irão gastar menos do que nos anos anteriores. Isso mostra que os consumidores estão escolhendo em quais datas do varejo irão investir mais e em quais menos. E o Dia das Mães parece estar entrando numa seara mais sentimental do que material, ao contrário do Dia das Crianças e Natal, por exemplo”, analisou Ana Letycia, Head de planejamento da Score Retail.


Dia das Mães mais intimista

Quase 70% dos consumidores mostraram que a celebração será intimista e com compromissos familiares em casa, seja recebendo ou não visitas ou indo ao encontro de parentes. Ao serem perguntados onde pretendem comemorar a data, as respostas foram: ir para a casa da mãe ou sogra (33%); ficar em casa, sem receber visitas (18%); receber a família em casa (11%); ir para a casa de outros parentes (6%); ir a um restaurante com a família (5%); não pretendem comemorar (6%); ainda não decidiram (20%).


Quando questionado o que não pode faltar no Dia das Mães, as mais diversas palavras e sentimentos apareceram, como: respeito, histórias de família, união, música, presentes, comidas especiais, entre outros. No entanto, o que disparou foi 54% para almoço em família em casa, sendo que almoço com a família em restaurante apareceu apenas com 8%.


“As datas comemorativas são momentos especiais, de experiências únicas. Ainda com a economia instável, os gastos menores demonstram cautela financeira o que não reduz a importância e o reconhecimento da data, construir lembranças é um valor importante para os brasileiros”, finalizou Ligia Mello, coordenadora da pesquisa e sócia da Hibou.

 
bottom of page