top of page

Marketplaces registram crescimento de 3% e totalizam 135,6 bilhões em vendas em 2022

O setor apresenta crescimento significativo desde 2015


Fonte: Banco de imagens Canva

O setor de marketplace nacional cresceu 3% em relação à 2021, totalizando 135,6 bilhões em vendas. Os dados são da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), que analisou o período entre 2010 e 2022, com informações sobre o share de faturamento, vendas no país e o percentual de crescimento anual.


As plataformas registraram crescimento de 8% em 2021, com valor total de 117,6 bilhões em vendas. O share de faturamento dessas plataformas tem aumentado, chegando a 80% em 2022.


“Alguns fatores que contribuem para o crescimento do setor de marketplace no Brasil são a comodidade e a praticidade que essas plataformas oferecem aos consumidores, que podem encontrar diversos produtos em um só lugar, além de comparar preços e condições de pagamento. Para os comerciantes, eles são uma alternativa para expandir os negócios sem precisar investir em uma estrutura própria de e-commerce”, destaca Alexandre Crivellaro, diretor de Inteligência de Mercado da ABComm.


Crescimento

O setor apresenta crescimento significativo desde 2015. Em 2020, os marketplaces apresentaram aumento de 67% em comparação com 2019, totalizando R$ 91,04 bilhões em vendas.


A comodidade das compras online é uma das principias mudança nos hábitos do consumidor desde a aceleração do ecommerce nos últimos anos. Mesmo com inúmeras opções no ambiente digital, uma passa mais segurança para os brasileiros.


Segundo dados da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, 98% dos consumidores analisam os preços antes de comprar itens de moda. Dentre os entrevistados, 40% tem o hábito de revisar antes de comprar acessórios, calçados e peças de vestuário em sites de busca, seguido por 22% em marketplaces.

 

Yorumlar


bottom of page