top of page

Emprego industrial, rendimento médio e massa salarial aumentaram em novembro

Segundo os Indicadores Industriais, da CNI, a indústria da transformação registrou alta em cinco de seis indicadores no penúltimo mês de 2023. Por outro lado, utilização da capacidade instalada recuou


Fonte: Banco de imagens Canva

A indústria de transformação encerrou novembro de 2023 com resultados positivos, segundo os Indicadores Industriais, pesquisa mensal da Confederação Nacional da Indústria (CNI). De seis índices, cinco registraram alta: emprego, massa salarial real e rendimento médio real foram destaque, com aumento significativo quando comparados com o mês anterior e com o novembro de 2022.


A massa salarial real aumentou 2,8% e o rendimento médio real da indústria, 2,4%, na passagem de outubro para novembro de 2023, na série livre de efeitos sazonais.


Já o emprego industrial cresceu 0,5% na passagem de outubro para novembro de 2023, na série dessazonalizada. É a segunda alta consecutiva, após seis meses de pequenas variações. Na comparação com novembro de 2022, o índice mostra estabilidade do emprego, enquanto na comparação do acumulado do ano, até novembro de 2023 com igual período de 2022, o emprego industrial registra alta de 0,3%.

“A indústria sofreu bastante em 2023 e as altas taxas de juros foram um dos principais problemas. Por isso, esse aumento pontual está longe de representar a recuperação total do setor”, explica o gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo.
Aumentos não significam recuperação total do setor

Os índices de faturamento real e de horas trabalhadas também registraram crescimento em novembro, após dois meses de queda. Contudo, os índices recuaram tanto na comparação com o mesmo mês de 2022, quanto na comparação do acumulado de 2023 até novembro.


Já a Utilização da Capacidade Instalada (UCI), que vinha oscilando em torno do mesmo patamar nos últimos meses, registrou queda significativa na passagem de outubro para novembro, de 0,6 ponto percentual, para 78%. O percentual é 2,5 pontos percentuais inferior ao registrado em novembro de 2022.


Esse recuo mostra que é cedo para falar de uma reversão do cenário crítico no qual a indústria se encontra.



Mais sobre os Indicadores Industriais

O levantamento mensal, que teve início em 1992, identifica a evolução de curto prazo da atividade industrial, especificamente da indústria de transformação, por meio de variáveis como faturamento, emprego, remuneração e utilização da capacidade instalada.


Nesta pesquisa, são consultadas grandes indústrias de diversos setores da indústria de transformação em diversos estados do Brasil.


Confira a íntegra abaixo:

23_01_-_indicadores_industriais_nov2023
.pdf
Fazer download de PDF • 599KB
 


Comments


bottom of page